bueiro, me abrace forte!

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Já no meio do caminho eu espero o absurdo. Estou vendo que quando essa coisa sair, vai sujar tudo. E eu não quero estar aqui para limpar.

Nenhum comentário: