bueiro, me abrace forte!

segunda-feira, 7 de junho de 2010

Ninguém podia ver

mas a eternidade cabia milimetricamente nos olhos dela...