bueiro, me abrace forte!

quarta-feira, 24 de março de 2010

Não amemos

Amar é cansar-se de estar só: é uma covardia portanto, e uma traição a nós próprios (importa soberanamente que não amemos).

Fernando Pessoa

Um comentário:

Mônica Wesley disse...

Sim é covardia... mas ser covarde as vezes é tão bom... mesmo que não seja o amor descrito por outros poetas, o amor eterno... mas pelo menos gera alguns bons momentos. =*