bueiro, me abrace forte!

segunda-feira, 8 de março de 2010

Coração partido

- (…) E o amor é sempre complicado. Mas, mesmo assim, os seres humanos precisam se amar, querida. A gente precisa ter o coração partido algumas vezes. Isso é um bom sinal, ter o coração partido. Quer dizer que a gente tentou alguma coisa.
- Meu coração se partiu com tanta força da última vez – falei – que ainda está doendo. Não é uma loucura? Ainda estar com o coração partido quase dois anos depois do fim de uma história de amor?
- Querida, sou do sul do Brasil. Sou capaz de ficar com o coração partido durante dez anos por causa de um mulher que nem cheguei a beijar.
Elizabeth Gilbert in “Comer, Rezar, Amar”

2 comentários:

jaqueline disse...

muito bom!

Alexandre disse...

coração tá esmigalhado