bueiro, me abrace forte!

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Ah, meu bem, deixa eu te avisar que ainda cutucarão suas feridas até reabri-las. Tantas vezes que você perderá a conta, vai por mim. A felicidade alheia será esfregada bem na sua cara enquanto você tentará, inutilmente, cuidar dos ferimentos. A vida não permitirá que cicatrizem. Sobrarão palavras e lágrimas.
Use-as!
Serão o bastante para você criar um blog e contar como tudo isso continua a doer.
Depois, num dia qualquer, tomando seu café em frente ao computador, você vai acabar relendo seus escritos e agradecer por tamanha inspiração.

Ninguém foge do bueiro...

3 comentários:

jaqueline disse...

O bueiro atrai as pessoas...

Régis Eleutério disse...

é... muito sábio, mas ainda sim, nem todos tem essa corajem!

Alexandre disse...

atrais os bichos mais estranhos