bueiro, me abrace forte!

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

A vida me força a engolir nãos e o que me conforta são meus momentos de solidão.

Eu não caibo no coração de ninguém...

Nenhum comentário: