bueiro, me abrace forte!

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Hoje pela manhã, senti um quase-afeto.

Contei até três.

Passou.



Vou rolar nuns cacos de vidro por aí.

Nenhum comentário: