bueiro, me abrace forte!

terça-feira, 3 de novembro de 2009

Cansei dos meus vícios. Talvez amanhã eu vá procurar Deus. Mentira, não vou. Tenho medo. Procuraria um médico, mas tenho medo também. Não estou pronta, jamais consegui estar inteira. Sou tirana. Sou bêbada. Sou escrota. Sou medrosa. Sou também o que não sei. Fiz de mim o que não sei nomear. Não tenho coerência. Não sei me equilibrar, sempre caio. E não divido cigarros. Sou contra o mundo, mas eu mesma me saboto. Acabei construindo um muro em volta de mim que nem eu sei como destruir. Sou vítima de mim mesma porque já não sei de quem me protejo, se eu sou a única pessoa que pode me fazer algum mal.

Nenhum comentário: