bueiro, me abrace forte!

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Para ser franca, eu saio por aí dizendo que vou cair fora dessa, tomar jeito, endireitar e coisa e tal, mas isso é uma grande mentira. Uma das milhares que eu conto todos os dias. Pra mim. Pro mundo. Porque não é fácil. Porque se fosse fácil, eu ainda sim complicaria ao máximo. E eu posso. Eis um dos meus poucos dons: o poder de complicar.

Ah, parar de beber não vai mudar nada.
Entrar pro yôga e fazer origami também não.

Minha vida é um desastre e eu bato a porta gritando FODA-SE - como se eu ainda fosse adolescente mimimi.

- A verdade é que uma boa putaria alivia e justifica qualquer coisa. Vai dizer que não?
E é disso que eu preciso. Do contrário, logo estarei ouvindo Los Hermanos... E aí, meu amigo... Melhor nem pensar...

Nenhum comentário: