bueiro, me abrace forte!

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Desisto. Minha auto-estima se matou. Esfrego a cara no chão e me afogo no seco.

Vou me dissolver nisso que não é de ninguém: porra nenhuma.

Deus deve amar os imbecis, pois fez uma porrada deles. Inclusive eu.

Nenhum comentário: