bueiro, me abrace forte!

sexta-feira, 31 de julho de 2009

ela o inventou e ele estava ali
ele a salvou
ela sorriu
dormir era bom agora
ele estava lá, segurava sua mão
ela quer dizer que ele a salvou
mas ela sabe que ele não existe
mas ela quer saber uma última vez
quer que lhe digam em voz clara
que ele não existe
e se existe
que ele fechou a porta
e quem a salvou
foi a sua esquizofrenia.

Nenhum comentário: